quarta-feira, 29 de março de 2017

[2917] Era assim, no Príncipe, em 1911...

Estávamos em 12 de Novembro de 1911, com pouco mais de um ano de República. E a notícia é do republicaníssimo jornal "A Capital" (de Lisboa). Comentários são desnecessários...

2 comentários:

  1. Fico arrepiado.

    Para chegarem ao ponto de rebelar-se é que nada mais podiam fazer e so de pensar no castigo que receberam sinto um calafrio.

    De vez enquando aparecem na Comunicação Social pessoas a reclamar sobre esses factos e fico sempre pesaroso pois preferia que isso não tivesse sucedido. Mas não quero dizer que se esqueça. O caboverdiano nunca foi gente que adaptasse ao clima e aos serviços da roça. Foram enviados enganados e ninguém reconheceu, verdadeiramente, o mal que lhes foi feito.

    ResponderEliminar
  2. Isto é coisa de má memória na história de Cabo Verde. E motivo de catarse.

    ResponderEliminar